agende sua visita

Câmaras de bronzeamento x autobronzeadores

Câmaras de bronzeamento x autobronzeadores

Ainda existe no Brasil a falsa impressão de que pele bronzeada é sinal de saúde. As câmaras de bronzeamento ainda são utilizadas, e representam um perigo à saúde da pele. Elas emitem radiação ultravioleta A numa intensidade que pode chegar a dez vezes o da exposição solar. Como a RUVA não causa queimaduras nem vermelhidão na pele ( ambas causadas pela RUVB), as pessoas têm a impressão de não prejudicar a pele. A RUVA penetra profundamente na pele e causa envelhecimento precoce, manchas e aumenta o risco de câncer de pele. Estes efeitos são acumulativos e os danos surgem mesmo anos após a última sessão de bronzeamento artificial. A dica é não fazer uso de câmaras de bronzeamento. 


Os autobronzeadores são uma opção saudável para aqueles que querem um bronzeado no verão sem danificar a pele. São cremes ou  loções que contêm a dihidroxiacetona, que pigmenta a camada córnea (a  mais superficial da pele) por uma reação química, sem prejudicar o DNA das células. Se bem utilizado, dá um resultado natural. Deve-se esfoliar a pele antes de usar. Testar antes numa pequena área da pele para avaliar o tom em que resultará.